top of page

ANUNCIO-VOS O NATAL DO SENHOR!


Muitas pessoas vão ter alegrias na noite de Natal: mesa farta, bebidas, presentes. Talvez muitas sejam falsas alegrias.



Para nós, a grande alegria é que nasceu o Salvador. É uma alegria verdadeira. Temos um Deus que nos ama. Vem até nós e nasce para nos salvar. É maravilhoso: a infinitude de Deus e a nossa pequenez.



Ele nasce em cada um de nós, pequeno e frágil. Nos dá a vida, a salvação, a esperança de uma vida nova, a vitória contra o mal. É para cantarmos o dia todo. É para testemunhar. Porque nasceu o Salvador, para nos salvar. Esta é nossa alegria: o Cristo. É a esperança dos que não têm esperança. Traz a vida a quem não tem vida.



“Aos que viviam nas trevas, brilhou uma grande luz”, diz a Palavra.


As trevas, na Bíblia, significam escuridão, caos, desordem. Você sabe que brilhou a grande luz! Quantos não sabem! Muitos nem conhecem o Senhor. Têm sua luz apagada, apegados a tantas coisas. Tantas realidades, racionalismos e soluções estão no mundo. Precisamos contar a boa nova. Somos as pessoas da esperança. Nós temos a vitória do bem em Jesus e isso é para todos os que estiverem com ele. Temos uma resposta para quem chegou ao fundo, que é renascer. É a pessoa saber que existe um Deus que a ama como ela é, que vem até ela, vem amar cada um mesmo estando no pecado. A humanidade O rejeitou, mas Ele não desistiu de nós. Foi capaz de descer ao ponto mais baixo, porque nos ama. É preciso que a luz de Cristo brilhe em nós, para essas pessoas abrirem os olhos e verem.



Hoje se olha para o menino e vem alegria no coração, brota paz, renova-se a esperança de um mundo melhor, do céu, da vida eterna. Aquilo que o mundo já espezinhou pode renascer encontrando Jesus.



Que você seja essa vela que ilumina. Nesta noite de Natal e sempre. Olhemos para Jesus. Na vida de Jesus, nada é por acaso. No seu nascimento, Ele está nos ensinando o caminho de salvação. E é o contrário do que o mundo apresenta. Quando o homem rompeu com Deus, todo o mundo foi desestruturado. Este foi o primeiro grande estrago.

A resposta de Deus, e isso me maravilha, é um menino pequenino e frágil. Nós, humanidade, pensaríamos em algo muito pomposo para vencer o mal. O que nos ensina o Natal de Jesus, colocado na manjedoura?



Podemos mencionar três pontos:



1. Fazer-se pequeno, HUMILDADE.

Deus dispersa os soberbos. Nossa Senhora se fez serva. Você quer vencer a tentação? Seja humilde.

Não queira ser o mais sábio, aparecer, dominar, subjugar, ter poder. Escolha o caminho dos pequeninos, para evitar o mal. Sendo pequeno, reconheço meu erro e estou aberto para o acerto. E vou dar glória a Deus.


2. Seguir o caminho de Jesus. OBEDIÊNCIA ao Pai.

No terreno humilde em que Deus nos chama a viver, temos um caminho que é Jesus. O que a Palavra de Deus nos aponta, por aí devemos caminhar. Ser obediente aos mandamentos, à Palavra, à Igreja. Aí está a vitória. Porque foi pela desobediência que caímos. Trouxemos para o mal o mundo criado bom por Deus, quando quisemos fazer um caminho próprio, independente de Deus. Não queira ser Deus. Deixe Deus ser Deus.



3. Ir ao encontro dos necessitados, dos pecadores, dos aflitos. MISERICÓRDIA. Preciso sair de mim mesmo para a salvação acontecer. Sair de mim e ir ao encontro do que necessita. Porque ele necessita isso, não porque vou ganhar algo. É desse modo que Deus fez. Veio até nós porque nós precisávamos, não porque Ele precisava. Ele de nada precisa.



Precisamos trilhar o caminho do Salvador. Isto é bem prático. E é possível. Deus não pede que façamos milagres, mas que acolhamos essas verdades. Quantas coisas vão se resolver se isso for posto em prática!



Humildade, perdão, misericórdia. O outro precisa de mim. Eu tenho compromisso com o outro. Aí o Natal acontece, o nascimento de Jesus, a salvação.



Leve Jesus para sua casa, com simplicidade e alegria. Mostre esse Jesus para sua família, seus colegas de trabalho, este mundo. E esqueça de si mesmo. Pare de olhar para você mesmo. Muitas pessoas estão precisando de Jesus. Ele só vai chegar quando o levarmos e nós temos o verdadeiro Jesus!


Deus abençoe você.



Pe. Miguel Louzada de Almeida Martins Costa, pároco da Paróquia São Martinho


91 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page